Nacional
Luís Figo associa-se à Quercus para doar 1.000 árvores para a reflorestação do país
Natal da Fundação Luís Figo 13.12.16 Foto: João Cabral/Lux
Redação Lux em 26 de Outubro de 2017 às 08:32

Luís Figo acompanhou a enorme tragédia que se abateu novamente sobre Portugal e que manchou de negro uma área imensa do país.

“Na qualidade de Presidente da Fundação Luís Figo, e em meu nome pessoal, não quero deixar de expressar a minha consternação e pesar perante os terríveis incêndios que devastaram o nosso país, apresentando as minhas sinceras condolências a todos os familiares das vítimas”, afirmou Luís Figo.

No sentido de materializar o seu apoio, a Fundação Luís Figo decidiu associar-se à Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza, doando 1.000 árvores para a reflorestação do país.

Essas árvores serão plantadas pela Quercus em áreas classificadas do Norte e Centro de Portugal. Com esta campanha, pretende-se a criação de bosques autóctones que oferecem uma maior resistência à propagação dos incêndios e são melhores para amenizar o clima, promover a biodiversidade, proteger a nossa paisagem, a água e os solos.

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção