Internacional
Investigador português recebe prémio internacional na Arménia
Redação Lux  com Lusa em 18 de Setembro de 2010 às 14:52
O astrónomo Nuno Cardoso Santos, investigador do Centro de Astrofísica da Universidade do Porto (CAUP), recebeu ontem, na Arménia, o prémio internacional Viktor Ambartsumian.

Segundo o CAUP, o prémio, partilhado com os seus colegas Michel Mayor (Universidade de Genebra) e Garik Israelian (Instituto de Astrofísica das Canárias), foi atribuído pelo trabalho no estudo das estrelas que têm planetas em órbita e que fornecem indícios essenciais para a compreensão dos processos de formação planetária.

O galardão, no valor de cerca de 385.000 euros e considerado o mais importante na astrofísica depois do Prémio Nobel, será distribuído pelos três investigadores.
Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
pub
Outros títulos desta secção