Nacional
Evelise Moutinho em 16 de Janeiro de 2017 às 12:18
Fotos: Miguel Stanley surpreende em concerto solidário, que dedicou ao pai

Profissionalmente, Miguel Stanley é dentista, mas um homem de muitas outras paixões. Entre elas a música, gosto que herdou do avô inglês, que durante a Segunda Guerra Mundial tocava trombone, e que está um pouco nos genes de toda a família, uma vez que todos cantam ou tocam algum instrumento.No seu caso, piano, desde os 4 anos, e guitarra, a partir dos 12, porque, como o próprio brincou, “era mais leve e melhor para engatar as miúdas na praia.”

Por isso mesmo, para os familiares e amigos vê-lo no palco a cantar não foi uma supresa. Afinal, desde os 14 anos que escreve e compõe os seus temas. “Singing for Smiles” é a versão ao vivo de um álbum criado com o produtor Sacha Skarbek (que trabalhou com artistas como Adele, James Blunt ou Lana Del Rey), e que apresentou no Pestana Cidadela Cascais, num concerto solidário que dedicou ao pai, que morreu há três anos.

“Isto é a concretização de um sonho de longa data em que junto várias paixões. Uma é a solidariedade, que acredito ser muito importante. Quando fiz o programa ‘Dr. Preciso de Ajuda’recebia centenas de milhares de cartas com pedidos de ajuda e percebi que as crianças que mais precisam de ir ao dentista não têm dinheiro. Por isso, decidi agarrarnesta outra grande paixão que tenho pela música e fazer qualquercoisa. Escolhi o dia 28 de dezembro porque era a data de aniversário do meu pai, que morreu há trêsanos e era um grande impulsionador da minha música. Este concerto é dedicado a ele. Sou crente e acredito que ele está no céu a ver-me. E agradeço à Sasha que foi a principal responsável por tudo isto, ela é incrível”, disse momentos antes de subir ao palco.

Na plateia, entre os amigos, estava Ana Brito e Cunha, que não poupou elogios ao anfitrião:

“O Miguel é um belíssimo profissional e um bom amigo, generoso e muito divertido. Diverti-me muito, e saber que estava a ajudar ainda  foi melhor”, afirmou no final.

O valor total dos bilhetes (€15 euros),reverteu a favor de duas instituições de solidariedade: a “Mundo a Sorrir” e a internacional “The Humble Smile Foundation”, da qual Miguel Stanley é embaixador. 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
Mercado
pub
Outros títulos desta secção