Internacional
Marca sueca de skintech ganha processo de 400 milhões na China
Luna da Foreo
Redação Lux em 25 de Novembro de 2019 às 16:49

Numa decisão judicial sem precedentes em Xangai, a Foreo, marca sueca de skintech, ganhou um processo de 3,000,000 RM (cerca de 400 milhões de euros) julgando-se ser até hoje a maior indemnização obtida por violação de patente de design na história judicial do Tribunal de Propriedade Intelectual de Xangai.

A decisão do tribunal tomou o partido da empresa tecnológica de beleza, no seguimento de um processo judicial sobre Propriedade Intelectual de 24 meses e um julgamento de 12 meses, tendo declaradoa Kingdom Zhuhai Company de violação da patente de design do dispositivo Luna da Foreo com o seu produto KD308.

De acordo com o Relatório Global de Contrafação de Marcas de 2018, as perdas mundiais incorridas por contrafação ascenderam a mais de 320 mil milhões em 2017, sendo 80% das contrafações provenientes da China.

No dia 1 de janeiro de 2019 entrou em vigor na China a nova lei sobre o e-commerce. A nova lei aplica-se a três tipos de operadores; plataformas de operadores de e-commerce como Taobao, comerciantes terceiros que vendem produtos e serviços em plataformas de outros, e vendedores online com websites próprios ou que operam através de canais de rede como os sites de redes sociais.

 

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
pub
Outros títulos desta secção