Internacional
Redação Lux  com CSS em 13 de Julho de 2015 às 18:05
Mãe de Iker Casillas considera o FC Porto uma equipa de "segunda B"
1/8 - Iker Casillas chora no adeus ao Real de Madrid (12-07-2015) Foto: Reuters
2/8 - Iker Casillas chora no adeus ao Real de Madrid (12-07-2015) Foto: Reuters
3/8 - Iker Casillas chora no adeus ao Real de Madrid (12-07-2015) Foto: Reuters
4/8 - Iker Casillas chora no adeus ao Real de Madrid (12-07-2015) Foto: Reuters
5/8 - Iker Casillas chora no adeus ao Real de Madrid (12-07-2015) Foto: Reuters
6/8 - Iker Casillas chora no adeus ao Real de Madrid (12-07-2015) Foto: Reuters
7/8 - Iker Casillas chora no adeus ao Real de Madrid (12-07-2015) Foto: Reuters
8/8 - Iker Casillas chora no adeus ao Real de Madrid (12-07-2015) Foto: Reuters


Iker Casillas não mantém uma relação próxima com os pais desde 2010. No entanto, estes consideram-se no direito de opinar sobre a vinda do guarda-redes para o FC Porto.

A mudança de clube não agradou a Mari Carmen, de 56 anos, nem a José Luís, de 57. Para os pais de Casillas, o FC Porto é uma equipa de "segunda B". Os progenitores do guarda-redes acusam ainda o presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, de ter empurrado o atleta para fora do clube.

Em 2010, Casillas cortou relações com os pais quando cessou uma sociedade imobiliária que tinha com a família, mas garantiu-lhes um bom rendimento mensal a troco de um pacto de não agressão às pessoas mais próximas, como Sara Carbonero.



 
Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
pub
Outros títulos desta secção