Internacional
Naomi Campbell acusada de insultar vítimas de tiroteios com vestido 'baleado'
Naomi Campbell Foto: DR
Redação Lux em 25 de Setembro de 2019 às 15:40

Naomi Campbell foi acusada de insultar vítimas de crimes de armas de fogo ao usar um vestido com um buraco de bala e sangue falsos durante aSemana da Moda de Londres.

A escolha deste vestido controverso ocorre depois da modelo ter comparecido à festa de 90 anos do fabricante de armas multimilionário Gaston Glock.

Campbell foi acusada, entre outros, por Jack Crozier, cuja irmã foi uma das 16 crianças mortas no massacre de Dunblane em 1996, quando ele tinha apenas cinco anos de idade:

"Isso parece pouco mais do que uma insípida autopromoção de Campbell, considerando a hipocrisia da sua posição sobre o controle de armas. Vítimas de violência armada não podem tirar as cicatrizes da maneira que podem tirar as suas roupas ", declarou ao Daily Mail.

Lucy Cope, que fundou a Mothers Against Guns UK depois do filho ter sido morto num tiroteio em Londres, em 2002, disse: "Isto é um insulto a todas as pessoas cujo filho foi morto no Reino Unido. Eu odeio quando as celebridades acham que é genial dar glamour ao crime armado, é nojento ''.

Gill Marshall-Andrews, chefe da Rede de Controle de Armas, acrescentou: "É óbvio que Naomi está a ficar um pouco velha agora e quer publicidade. É claro que é deplorável e um insulto a todos aqueles que foram afetados pela violência armada, mas de certa forma sinto pena dela."

Naomi Campbell, de 49 anos, declarou que estava a fazer uma declaração política com o vestido  que usou num evento para a sua instituição de caridade Fashion For Relief.

“Este vestido não tem nada a ver com glamour de crimes com armas. É uma afirmação artística. Eu queria apoiar a jovem designer britânica Mowalola Ogunlesi, que está a fazer um ótimo trabalho e é apaixonada por trazer à tona um problema tão sério através dos seus projetos ”, disse Naomi Campbell.

 

Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico
Comentários

pub
pub
Outros títulos desta secção